Como Lidar com Cão Ciumento
O ciúme de um cão pode surgir por vários fatores, seja por carência afetiva, ou pela chegada de um novo membro na família, seja ele um bebê, ou um novo pet. Tudo isso é muito normal, porém em alguns casos é preciso ficar atento, para que a saúde do animal não seja afetada.

Ciúmes do dono:
Às vezes seu cão tem tanto ciúmes de você, que acaba atacando outras pessoas quando se aproximam, e isso é muito comum que acontece, e geralmente nós mesmos somos os principais responsáveis por esse comportamento.
Geralmente quando um cão rosna ou late, as pessoas costumam não repreender suas atitudes, que pode até chegar a morder protegendo seu dono de qualquer ser que se aproxime. O que normalmente acontece, é que achamos bonitinho, porém o que resulta em uma dominância do cão sobre o dono, uma atitude que pode piorar a cada dia.
Nesses casos, é preciso ser passado ao seu cão, certos ensinamentos, como o fato de que ele não é seu dono, e que é normal você interagir com outras pessoas e animais, sendo que isso não significa que você o esquecerá ou o deixará de lado.
Uma pequena bronca nas horas de maior fúria de ciúmes de seu cão, pode trazer bons resultados. Mostre a ele que isso é inaceitável, sempre que ele agir de tal forma. E lembre-se, de que, você que deve dar a bronca, e não a pessoa que está sendo atacada. É importante também que tanto você, como a pessoa que chega, tornem esse momento divertido e agradável para o cão. Com sua supervisão, peça para a visita brincar com ele, e que lhe dê petiscos ou brinquedos, assim ele associa a visita com algo divertido.

Problemas com outro pet:
Pode ser a chegada de um novo filhote, ou apenas a visita de um animal diferente, nunca alimente a fúria de seu bichinho, nunca aceite, sempre dê broncas também.
Nunca deixe de fazer carinho em seu cão quando outro animal se aproximar, procure fazer bastante festa, carinhos e brincadeiras, assim ele associa a interação como algo positivo.

A chegada de um bebê
É muito comum o ciúmes de um cão por um bebê, pois para ele significa que dividirá o seu espaço com um estranho, o que pode ocorrer um certo problema, que pode ser evitado, é quando o casal trata dele mesmo antes do nascimento de seu filho, durante a gestação, vale a pena planejar sua rotina com o bebê, incluindo o seu cão em sua futura rotina.
As consultas ao médicos e preparativos para a chegada do bebê, podem deixar seu amigo de lado, então podem surgir certas cenas de ciúmes, que podem ser de várias maneiras, como alguns uivos, miados, e falta de apetite, fazem xixi fora do lugar, alguns chegam até a ficar depressivos. O ideal é que o casal saiba dividir a atenção entre o bebê e o animal, e não o deixando de lado.
E lembre-se que em casos mais graves de ciúmes, seu cão poderá estar até desenvolvendo algum tipo de complicação, como no caso de depressões, falta de apetites, que podem levar a anemias sérias.
Fonte: Site Portal Pets